Bebida Alcoólica e Cigarro – Visibilidade Zero

João de Deus

Mandei um e-mail para a Câmara dos Deputados direcionado ao Deputado Moses Rodrigues (PMDB-CE) Segundo o Projeto de Lei 3404/15, o qual reproduzo na integra como conhecimento e possível divulgação, Brincando com o povo Caro Deputado, Venho aqui mostrar minha indignação com referência a forma que o povo brasileiro vem sendo tratado pela INSTITUIÇÃO, INSTITUIÇÃO está que é o esteio de um povo em se tratando de uma DEMOCRACIA, pois a muito tem sido levado a CASA, MATÉRIAS que diante do anseio do povo brasileiro, não está de encontro e nem tão pouco visa o mesmo povo que sonha está politicamente representado. Diante de fatos que enfraquece a esperança e enluta o sentimento de um povo estarrecido por tanta falta de respeito e busca se sustentar diante de tantas mazelas é que faço uma pergunta que muitos brasileiros não têm coragem para fazer que é QUANDO QUE IRÃO REALMENTE TRABALHAR EM FAVOR DAQUELES QUE VOTARAM PARA COMPOR ESSA CASA? Vejo que agora estão desenterrando uma lei que a pouco OS SENHORES disseram que não era mais importante, como que agora sem mais sem menos os extintores se tonaram importantes novamente, porque não há um estudo para basear as leis nesse PAIS para realmente viabilizar o tempo gasto para implementa-las? Gostaria de direcionar coisas boas, mais infelizmente, esse massacre do povo brasileiro não alegra em nada a situação em que chegamos, pois olhamos para todos os lados em busca de respostas e caminhos que nos levem a possibilidades melhores, mais infelizmente não alcançamos. Ninguém em bom senso e bom grado gostaria de dizer algo assim, mais não dá mais para aguentar tanto sem dizer pelo menos que não estamos de acordo com o trato que estamos tendo. Estarei mandando para outros o mesmo pedido e externando o meu sentimento de tristeza. Sem mais, João de...

Vitor Hugo Augusto Garcez Filho

Olá, é um prazer poder dar meu depoimento aqui. Em 1 de maio de 1999 minha irmã, então com 19 anos foi vítima em um acidente de trânsito causado por um motorista bêbado. Eu tenho um filho de 15 anos, e somente em um de seus aniversários eu consegui convencer as famílias de que não deveria haver bebidas alcoólicas presentes. Vencer essa cultura é muito difícil. Também tenho minha mãe que fuma desde que eu nasci, isso são 43 anos, sua pele e sua saúde como num todo estão visivelmente afetadas mas porém não consigo ter sucesso em fazê-la parar de fumar. Eu mesmo fui também uma vítima, vendo meus parentes usando drogas, acabei viciado em cocaína e maconha, sendo que arruinaram minha vida, causando inúmeros prejuízos de todo o tipo. Sou solidário a causa, cigarro e álcool devem ser proibidos, devem ser retirados do consumo “normal”. APOIO...

Beba com moderação…

No Youtube é possível assistir esse filme sobre cigarro, armas de fogo, assassinatos legalizados em geral… Tome um Plasil e boa viagem… https://youtu.be/KUrG8dbxXG8

Veja a galeria completa: http://bit.ly/1Vubrvd (Fotos: Camila de Almeida/O POVO)

Ola estou enviando fotos da passagem do ano em praias do nosso brasil a quantidade de lixo e garrafas que ficam nas praias… Veja a galeria completa: http://bit.ly/1Vubrvd (Fotos: Camila de Almeida/O POVO)  

Futuro Projeto de Lei

Futuro Projeto de Lei

dez 4, 2015

Realizou-se dia 30 de novembro de 2015, uma Tribuna Popular na Câmara de Vereadores de Porto Alegre sobre a proposta para um futuro Projeto de Lei “Visibilidade Zero para Bebidas alcoólicas e Cigarros” (resumo abaixo). Após a apresentação dos Drs. Luiz Carlos Corrêa da Silva e Mauro Kwitko, que enfatizaram a importância da invisibilidade do cigarro e das bebidas alcoólicas como uma estratégia fundamental para a prevenção da iniciação dos jovens no uso destas drogas, para nossa satisfação, diversos vereadores, representantes de bancadas da maioria dos Partidos Políticos, manifestaram-se com muita simpatia à ideia e ao seu alcance, considerando o acréscimo que isso representaria para o combate ao tabagismo e ao alcoolismo, somando-se a todas as iniciativas governamentais e não-governamentais que já vêm sendo realizadas nesse sentido. Como continuidade ao processo, ficou acertada a formação de um comitê supra-partidário para elaborar um minucioso Projeto de Lei que oportunamente será apresentado à Câmara de Vereadores, com a participação e ratificação de diversos vereadores, de vários Partidos, o que vem mostrar como um Projeto que visa beneficiar a população pode representar um elo que una as mais diversas ideologias políticas em torno de um Ideal. BEBIDA ALCOÓLICA E CIGARRO: VISIBILIDADE ZERO! – A força da Indignação Pacífica  O “Bebida Alcoólica e Cigarro: Visibilidade Zero!” – a força da Indignação Pacífica – fará com que Porto Alegre seja a primeira cidade no mundo onde será obrigatório que as bebidas alcoólicas e o cigarro estejam escondidos dos nossos olhos e dos nossos ouvidos. Nenhuma droga pode estar exposta e vendida livremente e a bebida alcoólica e o cigarro não podem ser exceção. Nunca mais haverá bebidas alcoólicas e cigarro expostos em outdoors, indoors, super-mercados, restaurantes, bares, padarias, incluindo expositores, boxes, banners, balcões, mesas, cadeiras, freezers, em lojinhas de conveniência, em postos de gasolina, em aeroportos, em rodoviárias, em estádios e ginásios esportivos, nunca mais haverá anúncios em rádios, jornais e televisões, os caminhões transportadores dessas drogas para os locais de venda não poderão ostentar em sua carroceria o seu conteúdo, os engradados ou caixas ou pacotes de bebida ou cigarro adquiridos em super-mercados ou bares, estarão lacrados e envoltos em embalagem para não evidenciar o seu conteúdo, os programas...

Assembleia Legislativa de Minas Gerais adere à campanha “Cerveja Também é Álcool”

Ministério Público do Estado de São Paulo São Paulo, Brasil 23 de nov de 2015 — A Assembleia Legislativa de Minas Gerais (ALMG) aderiu, nesta terça-feira (17/11), à campanha “Cerveja Também é Álcool”, do Ministério Público do Estado de São Paulo. O apoio foi aprovado na Comissão de Prevenção e Combate ao Uso de Crack e Outras Drogas durante audiência pública que pediu a revisão da lei que dispõe sobre as restrições ao uso e à propaganda de bebidas alcoólicas. Por meio da mobilização popular e usando para isso a possibilidade dos cidadãos aderirem pela petição eletrônica e pelo abaixo assinado por escrito, a campanha “Cerveja Também é Álcool”, criada em 2013, propõe a alteração do parágrafo único do artigo 1º da Lei Federal 9.294/96 para que as restrições à publicidade passem a abranger toda e qualquer bebida, com graduação alcoólica igual ou superior a 0,5 grau Gay-Lussac, conforme definição técnica do Decreto 6.117/2007, que institui a Política Nacional Sobre o Álcool. Pela atual redação, a restrição só é aplicada às bebidas com teor alcoólico superior a 13 graus Gay-Lussac, o que contribui para o consumo indevido de bebidas alcoólicas por crianças e adolescentes. Idealizador da campanha, o Promotor de Justiça Jairo Edward de Luca, que estava presente na reunião da Comissão, enfatizou que “restringir propaganda de bebida alcoólica é um mandamento constitucional”. Fonte:...

JHORGE CARDOSO

Boa tarde . Parabéns pela iniciativa de lutar contra as chamadas “drogas legalizadas”. Sou um ex-usuário de ambas porque senti no corpo e no espirito o maleficio de ambas.Contem comigo.Abraços

Moyses Araujo

Bebidas Alcoólicas, Refrigerantes e Cigarros só beneficiam o poder econômico que cresce cada vez mais as custas do adoecimento da população. E apenas quem sai lucrando são os fabricantes e a indústria farmacêutica. O Governo permite porque gera milhões em impostos. Isso é sórdido e desumano. Vamos ver se a iniciativa var dar resultado ou se acabará em pizza como tudo aqui no...

Vyctor Ben-hur Gonçalves

Sucesso! São iniciativas como essas que fazem a diferença! Muita luz a todos os envolvidos no VZero!

Eduardo Ferronato

Bom dia equipe do VZero. Quero parabenizá-los pela inciativa. Na construção de um mundo melhor necessitamos de inciativas como esta. Obrigado.